Paciente com sintomas de varíola dos macacos é acompanhado em manaus

Um paciente jovem, sem comorbidades e com o diagnóstico clínico compatível com a doença denominada de “varíola dos macacos” desde a última sexta-feira (1), está sendo acompanhado pela secretaria de estado da saúde (ses-am), assim como todas as pessoas que tiveram contato com ele.

O paciente foi atendido pela fundação de medicina tropical dr. heitor vieira dourado (fmthvd), mas não há resultado conclusivo para a doença e o caso segue em investigação.

A ses informou nesse domingo (3) que o paciente encontra-se estável, se recuperando em domicílio, e em isolamento.

Houve coletas para exames de exames pelo laboratório central do estado para diagnóstico e conclusão da investigação.
o órgão informou que foram adotadas medidas de contenção, como monitoramento dos contatos domiciliares e rastreamento de outras pessoas que tenham tido contato com o paciente.

Os sintomas iniciais da doença são febre, dor de cabeça, dores musculares, dor nas costas, gânglios (linfonodos) inchados, calafrios e exaustão. após 3 dias ou até mais após o aparecimento da febre, o paciente desenvolve uma erupção cutânea,

Geralmente começando no rosto e se espalhando para outras partes do corpo.
as lesões passam por cinco estágios antes de cair, segundo o centro de controle de doenças (cdc) dos estados unidos. a doença geralmente dura de 2 a 4 semanas.

Para se proteger, é importante uso de máscaras faciais, o distanciamento e a higienização das mãos.

você pode gostar também