Hospital Padre Colombo recorre de decisão, mas justica nega

Foto: Divulgação

Por entender que o Hospital Padre Colombo (HPC) recebe recursos públicos e por não existir nenhum atraso no repasse, a justiça entede que hospital  deve continuar funcionando.

Na semana passada a direção do HPC decidiu fechar as portas, porém, dias depois a justiça autorizou a reabertura do Hospital. A direção da HPC, no entanto, entrou com um pedido para que a decisão de fechamento fosse mantida, mas a justiça negou. O resultado saiu nesta terça-feira (05).

A população parintinense entende como desumana a decisão do Hospital em fechar as portas, pois há informações que nem governo do Amazonas e nem município concordavam com a decisão do fechamento do hospital.

A prefeitura de Parintins mantém 52 funcionários no Hospital Padre Colombo. Dos 14 médicos que atuam na unidade, 10 são pagos pelo município. Mais de 600 mil reais a unidade recebe por mês.

A população parintinense comemora a decisão judicial em manter o hospital Padre Colombo funcionando em desfavor de quem só pensa em ganhar dinheiro.

Segundo informações, o interesse da direção do Hospital Padre Colombo é reformar o prédio e transformar o hospital em unidade privada, ou seja, atender só pacientes que têm dinheiro.

Blog Ilha Tupinambarana

você pode gostar também