Criptomoeda e boi-bumbá de Parintins no metaverso projetam o Caprichoso para o futuro

O Boi-Bumbá Caprichoso comemora com muito otimismo a ascensão ao sistema de pagamento digital de criptomoeda e à realidade digital do metaverso, um ambiente virtual imersivo. BullsCrypto e ParintinsVerso são alguns dos produtos idealizados pela Agência Oficial do Festival Folclórico de Parintins, Maná Produções, Comunicações e Eventos, para uma revolução internacional da cultura do boi-bumbá.

As novidades fazem parte da nova era da Internet, com NFTs (Non-fungible tokens), que em português significa “tokens não fungíveis”, um tipo de investimento digital de aplicação simples. As inovações compõem uma coleção de tokens não fungíveis do Boi Caprichoso, do Brazillian Bulls. “O festival de Parintins acaba de ganhar sua própria identidade cripto”, declara André Guimarães, da Agência Maná.

O BullsCrypto é um game da mais genuína cultura brasileira. O Brazillian Bulls apresenta coleção de NFTs exclusivos do Festival de Parintins e do Boi Caprichoso. O ParintinsVerso é a Capital Nacional do Boi-Bumbá dentro de um ambiente virtual coletivo e hiper-realista em dispositivos digitais, onde as pessoas podem conviver com avatares costumizados em 3D. “É como o encontro das águas”, define.

Se de um lado há um polo cultural, do outro a tecnologia transforma conceitos globais no cenário corporativo e artístico. “Essas duas potências levarão Parintins à uma revolução de oportunidades e inovação. Parintins é apaixonante. As alegorias, indumentárias, músicas e histórias envolvem uma audiência profundamente impactada pelas sensações promovidas pelo festival”, explica André Guimarães.

A Maná Produções, Comunicações e Eventos fundamenta que é difícil entender a perspectiva de sucesso do projeto. “É justamente essa experiência que é ampliada com o NFT. As pessoas terão a oportunidade de adquirir, com exclusividade, seu próprio ritual ou lenda amazônica, por exemplo. Ou quem sabe seu ícone ou figurino favoritos. Tudo adequado ao conceito de exclusividade já trazido pelas criptomoedas”, explica.

A tecnologia NFT divulgará o festival amplamente para todos os continentes, promoverá novas formas de geração de renda aos envolvidos na cadeia criativa, tecnológica e posicionará Parintins como um evento de inovação. É uma forma contemporânea de geração de recursos aos bois, artistas e aos investidores em potencial, uma vez que abre espaço para investidores externos e novos patrocinadores.

O mais importante é a comunicação da tradição por meio dos canais de interação de adolescentes e jovens. O projeto fortalece a marca e atua como elo relevante entre gerações. Parintins chega ao metaverso com cores, aromas e sabores, em uma grande revolução cultural e tecnológica. Tão única, a essência do festival permanece a mesma, mas agora com uma audiência ainda mais impactante.

A apresentação do projeto surpreendeu o público na arena do Bumbódromo no lançamento do 55º Festival Folclórico de Parintins. A chegada do boi ao universo virtual é celebrada pelo presidente Jender Lobato. “Estamos muito esperançosos de entrarmos nessa era digital, na expectativa de que a gente desenvolva essa parceria e traga muitos benefícios ao Caprichoso”, afirma. Saiba mais sobre o Parintinsverso. Acesse: www.parintinsverso.com.

você pode gostar também